Quarta-feira, 30 de Abril de 2008
Água com adição de oxigénio não influencia desempenho desportivo

Um estudo da Universidade Médica de Viena não desvendou provas científicas de que o consumo de água com adição de oxigénio melhora o desempenho desportivo, como alegam os fabricantes deste produto em voga em vários países.

Este tipo de água, à qual lhe é adicionada grandes quantidades de oxigénio, é comercializado como um produto alegadamente capaz de fornecer oxigénio extra aos músculos, através da corrente sanguínea, mas não há dados científicos que apontem nesse sentido.

A equipa da Universidade Médica de Viena juntou um grupo de 20 jovens desportistas, cuja metade bebeu diariamente, durante duas semanas, litro e meio de água com adição de oxigénio (da marca existente no mercado que contem maiores quantidades do gás: 180 miligramas de oxigénio por litro de água) e os restantes beberam água não tratada.

Os cientistas submeteram ambos os grupos a exercícios intensos de bicicleta, medindo-lhes, nos momentos de máximo esforço, a performance e o consumo de oxigénio. Segundo os dados publicados pelos investigadores na edição de Março do “International Journal of Sports Medicine”, a água com adição de oxigénio não teve influência significativa nos parâmetros analisados nem na capacidade de trabalho dos desportistas.

“Não investigámos os benefícios que o consumo de água com oxigénio extra podem causar a níveis psicológico e mental”, esclareceram ainda os cientistas.

Este estudo tem semelhanças com outro publicado em 2001 pela Universidade de Wisconsin, patrocinado pela Conselho Americano do Exercício (associação não lucrativa), no qual foram mais medições, nomeadamente os batimentos cardíacos e a pressão arterial dos doze desportistas seleccionados, homens e mulheres em idade descolar.

“Só há duas maneiras possíveis de transportar oxigénio através do sangue: associado à hemoglobina ou dissolvido no plasma. Em desportistas saudáveis, a hemoglobina está já saturada em 97 ou 98 por cento com oxigénio. Obviamente, há muito pouco espaço para melhorar este valor”, explicou John Porcari, investigador doutorado da Universidade do Wisconsin, citado pelo “site” About.com (da The New York Times Company), vincando que “quaisquer benefícios da água aditada só podem ser atribuídos ao efeito placebo”: “nesta altura, não há provas científicas ou razões lógicas que sugiram que beber água com adição de oxigénio pode aumentar os valores de oxigénio na corrente sanguínea”.

Os investigadores analisaram ainda garrafas de duas marcas – Aqua Rush e SerVenRich – e descobriram que as quantidades de oxigénio eram três vezes inferiores às relatadas pelos fabricantes nos rótulos.


sinto-me:

publicado por desportosaudavel às 12:40
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
13
14
15
16
17

18
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


posts recentes

O que são Alongamentos ?

Alguns conselhos para a c...

Como se avalia a aptidão ...

Futebolistas correm mais ...

Os 10 Mandamentos da Acti...

Água com adição de oxigén...

Planificação do "Dia da D...

classes de dopantes

Os Benefícios da Alimenta...

Como se deve praticar exe...

arquivos

Maio 2008

Abril 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Outubro 2007

tags

todas as tags

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds